DreamHack Open Rio vai acontecer no Parque Olímpico

Campeonato será realizado pela primeira vez na cidade e irá distribuir US$ 100 mil em premiação.

A DreamHack Open Rio de Janeiro, etapa da série mundial de campeonatos de Counter-Strike: Global Offensive, já tem sede definida. A organização do evento revelou nesta sexta-feira (14) que o torneio irá acontecer no Parque Olímpico da Barra da Tijuca, de 19 a 21 de abril, e ocupará todo o complexo esportivo.

Além do campeonato de CS:GO, o evento também terá uma feira de tecnologia e outros campeonatos de eSports. Também foi anunciado que a venda de ingressos começa no dia 5 de janeiro.

De acordo com o diretor da DreamHack Brasil, Filipe Rodrigues, a ideia é que a DreamHack Open Rio se torne um evento anual da cidade. Rodrigues também ressaltou que um de seus grandes objetivos é trazer para o Rio a DreamHack Masters, um dos principais eventos do calendário mundial de CS:GO.

“Decidimos que a DreamHack será um evento anual no Rio de Janeiro e um evento de calendário da cidade, para que as pessoas em 2020 já possam se programar para a DreamHack no Rio. Nós temos o objetivo também de trazer a DreamHack Masters ao Rio. Estamos trabalhando nisso e posso dizer que essa é uma realidade bem próxima”, declarou.

Além do campeonato de CS:GO, a DreamHack Open Rio também deve receber eventos oficiais de mais modalidades, como já acontece em outras edições do evento. Segundo Rodrigues, a DreamHack Brasil está em fase de negociação com produtoras de outros jogos.

Formato

A DreamHack Open Rio de CS:GO vai distribuir US$ 100 mil em premiação, sendo US$ 50 mil ao time campeão. As seis equipes convidadas para o evento ainda não foram reveladas. As outras duas vagas são definidas por meio de classificatórias na América do Norte e da Europa.

Na primeira fase, a DreamHack Open será disputada com dois grupos de quatro times, sendo que os dois primeiros de cada chave se classificam aos playoffs. Na fase de mata-mata, o primeiro colocado de cada um dos grupos encara o vice-líder da chave oposta. Por fim, os vencedores se enfrentam na grande decisão.

A DreamHack Open Rio será o primeira das sete edições do evento ao longo de 2019. Também serão realizados campeonatos na França, Suécia (duas vezes), Canadá, Holanda e Estados Unidos.

Em 2018, o quinteto brasileiro da Luminosity Gaming foi vice-campeão das edições de Valência (Espanha), em julho, e Atlanta (EUA), em novembro. A expectativa é que algumas das vagas na edição do Rio sejam reservadas a equipes brasileiras, como já é tradição entre os países-sede da DreamHack.

Acompanhe o GameSpot Brasil no Facebook, Twitter, YouTube, Instagram e Twitch.

Arquivado em:
eSports, PC

Tem uma sugestão de notícia? E-mail: sugestoes@gamespot.com.br

2 0
Ver comentários ()
Participe da Conversa