Antigo canal de Ninja na Twitch promove acidentalmente pornografia

Streamer migrou recentemente para a Mixer.

NinjaO famoso streamer Ninja disse estar “enojado” após a Twitch promover uma transmissão pornográfica em seu antigo canal na plataforma.

LEIA MAIS: 

Ninja recentemente assinou um contrato de exclusividade com a Mixer, plataforma rival da Twitch. Mas quem visitou a antiga página do streamer na Twitch no dia 11 de agosto não encontrou suas transmissões antigas, e sim uma lista de canais populares, incluindo um que estava mostrando pornografia antes de ser derrubada pela própria Twitch.

No Twitter, Ninja se pronunciou pouco depois, pedindo desculpas a todos que viram a recomendação e expressando seu desgosto pelo o que aconteceu.

“Não tenho nada a ver com isso. Esse é o limite. Tenho tentado remover o canal, ou pelo menos evitar que promovam outros streamers e outros canais em minha marca, na droga do meu perfil. Então para quem viu aquilo, peço desculpas e sinto muito”, disse Ninja.

O antigo canal de Ninja na Twitch voltou a exibir suas antigas transmissões, mas isso pode ser apenas uma mudança temporária.

O CEO da Twitch, Emmet Shear, pediu desculpas a Ninja e explicou por que essas recomendações apareceram pra início de conversa.

“Nossa comunidade vem à Twitch procurar por conteúdo ao vivo. Para garantir que eles encontrem ótimos canais ao vivo, temos experimentado com conteúdo recomendado em toda a Twitch, incluindo páginas de streamers que estão offline”, disse Shear.

“No entanto, o conteúdo sensual que apareceu no canal offline de Ninja viola grosseiramente nossos termos de serviço, e suspendemos permanente a conta em questão. Também suspendemos essas recomendações enquanto investigamos como esse conteúdo acabou sendo promovido”, finalizou Shear.

Acompanhe o GameSpot Brasil no Facebook, Twitter, YouTube, Instagram e Twitch.

Arquivado em:
PC

Tem uma sugestão de notícia? E-mail: sugestoes@gamespot.com.br

2 0
Ver comentários ()
Participe da Conversa