Por que Xbox continua na E3 após a saída da Sony

Phil Spencer falou sobre a participação da Microsoft no maior evento de games do mundo.

Pela primeira vez na história da E3, a Sony não participará do grande evento de games. A Microsoft, por outro lado, estará lá em 2019. Agora, o chefe de Xbox, Phil Spencer, falou por que a empresa manterá sua presença na E3 após a saída de sua principal competidora.

Durante uma transmissão ao vivo da Microsoft, Spencer reconheceu que a E3 mudou ao longo dos anos. A feira começou como um evento focado em negócios, para onde as lojas iriam para determinar quantos jogos encomendariam para o período de festas de fim de ano.

Isso ainda acontece, segundo Spencer, e a E3 continua sendo importante para o lado “business” da coisa. Mas nos últimos anos passou a ter seu foco voltado para o consumidor e a imprensa. Spencer disse que a Microsoft continua a gostar e apoiar a E3 porque ela é “uma celebração aos games”.

Ele admitiu que a Microsoft poderia realizar um evento próprio, fora da E3, ou ainda fazer uma transmissão ao vivo, como a Nintendo faz, mas isso não acontece porque a feira é “uma maneira sensacional e conveniente para os fãs viverem videogames”.

Eu acho que nós participamos porque é uma celebração dos Estados Unidos em Los Angeles. É fácil para as pessoas dos EUA se reunirem em um lugar e apenas compartilharem seu amor por videogames”.

Spencer foi além e disse que espera que a E3 cresça ainda mais no futuro, mesmo que o evento mude em “alguns sentidos”.

Além da E3, a Microsoft recentemente ressuscitou seu evento X018, levando o show para a Cidade do México no mês passado e anunciando a aquisição dos estúdios Obsidian e Inxile, entre outras novidades.

Spencer disse nessa mesma transmissão ao vivo que a Microsoft está “muito feliz” com a X018 e, mesmo que não tenha confirmado uma nova edição para 2019, ele disse que a empresa “quer fazê-la novamente”.

LEIA MAIS: Confira todos os anúncios do X018

Do lado da Sony, um representante de empresa tentou explicar por que a empresa não irá participar da E3 do ano que vem:

Estamos explorando maneiras novas e familiares de nos engajarmos com a comunidade em 2019 e mal podemos esperar para compartilhar nossos planos com vocês”.

A empresa ainda disse que “conforme a indústria evolui, a Sony Interactive Entertainment continua a procurar oportunidades criativas de se engajar com a comunidade. Os fãs de PlayStation significam tudo para nós e sempre queremos inovar, pensar diferente e experimentar novas maneiras de agradá-los. Como resultado, decidimos não participar da E3 em 2019”.

As maiores empresas de jogos (Sony, Microsoft e Nintendo) foram ajustando seus planos para a E3 nos últimos anos. Em 2018, a Microsoft transferiu sua participação inteiramente para o Microsoft Theater, deixando apenas a Mixer presente no pavilhão, enquanto a Nintendo tem abdicado de sua conferência de imprensa e apresentado um vídeo gravado nos últimos anos.

A Sony também tentou algo diferente em sua apresentação da E3 2018 ao usar uma “experiência guiada” para se focar em quatro de seus jogos mais aguardados, o que gerou reações mistas dos espectadores.

Apesar da Sony não participar da E3 2019, Microsoft e Nintendo, assim como Ubisoft, Activision, Take-Two e outras grandes empresas de jogos, já confirmaram que estarão no evento, que acontece entre 11 e 13 de junho.

Acompanhe o GameSpot Brasil no Facebook, Twitter, YouTube, Instagram e Twitch.

Arquivado em:
PlayStation 4, Switch, Xbox One

Tem uma sugestão de notícia? E-mail: sugestoes@gamespot.com.br

6 0
Ver comentários ()
Participe da Conversa