ENTREVISTA: ‘O Brasil é um mercado muito importante a nível global’, diz diretor de Xbox

Erick Baca Aguilar projeta presença cada vez maior da marca no país e na América Latina.

O Xbox 360 foi o console que fincou Xbox na América Latina. E o sucesso do aparelho gera frutos que são colhidos até hoje pela divisão de games da Microsoft na região e, principalmente, no Brasil, que se consolidou como um dos mercados mais importantes da empresa em nível global. É o que garante Erick Baca Aguilar, diretor de Xbox na América Latina.

Em entrevista ao GameSpot Brasil durante o X018, evento de Xbox que aconteceu em novembro na Cidade do México, o executivo falou sobre os planos da Microsoft para 2019, que envolvem a expansão do Xbox Game Pass e a produção de mais jogos exclusivos – principalmente após a compra de seis novos estúdios, dois deles (Obsidian e Inxile) revelados no próprio X018.

Opções

Aguilar destaca que diferentes mercados têm diferentes tipos de demanda, tanto pelas preferências do público como também por diferenças socioeconômicas. Por isso, o executivo considera o Xbox Game Pass fundamental para identificar as especificidades do público latino-americano.

O ponto principal é: queremos trazer opções para o consumidor, com produtos e serviços a um preço justo. Estamos avaliando constantemente as condições de mercado e o Xbox Game Pass é um produto que acreditamos ser realmente bom para a América Latina”, diz Aguilar.

Por quê? Porque por um preço mensal baixo você tem acesso a muito conteúdo. Queremos que todos os nossos clientes tenham acesso aos mesmos serviços em todos os lugares do mundo. E o Game Pass hoje é o nossa principal política nessa direção”.

Paixão

Aguilar também considera que a paixão dos latino-americanos por games teve peso decisivo na realização do X018 na Cidade do México. Ele explica que essas ações são estratégias da divisão de games da Microsoft para se aproximar do público na região.

É uma comunidade de mais de 200 milhões de jogadores e um mercado que movimenta mais de US$ 4 bilhões por ano. Estamos trabalhando para entender cada vez mais as especificidades da região e uma das ações nesse sentido foi justamente trazer o X018 para a Cidade do México”, ele afirma.

O Brasil, por sua vez, é um dos maiores mercados de games no mundo. Por isso, estamos nos assegurando de que todos os nossos produtos e serviços estejam no país. Para mim e para a companhia, é um dos nossos principais mercados, não apenas a nível regional, como também em escala global”.

Concorrência

Na atual disputa entre Xbox, Nintendo e PlayStation, o console da Microsoft perdeu terreno em comparação à geração passada, quando o Xbox 360 vendeu cerca de 85 milhões de unidades no mundo e liderou as vendas nos Estados Unidos com mais de 49 milhões de aparelhos comercializados na região.

Segundo Aguilar, uma das principais estratégias da marca para recuperar parte desse espaço perdido é a compra de estúdios, como Ninja Theory (Hellblade: Senua’s Sacrifice), Obsidian (Fallout: New Vegas) e Inxile (Wasteland 2). Mas o executivo comenta que as aquisições são pensadas a médio e longo prazo.

Queremos oferecer cada vez mais variedade de exclusivos de peso para o Xbox, agora e no futuro. Desenvolver games é um trabalho que leva tempo, mas é incrível saber que agora teremos todas essas mentes criando jogos com exclusividade para nós nos próximos anos”, pontua.

Novidades

Entre as principais novidades anunciadas no X018 para a América Latina está a chegada do controle adaptativo de Xbox One, voltado para pessoas com algum tipo de necessidade especial, em cinco países do continente em 2019, entre eles o Brasil. Aguilar considera o periférico um dos feitos mais importantes da história de Xbox e explica que a intenção da Microsoft é distribuí-lo ao maior número possível de mercados nos próximos anos.

Trazer esse produto para cá foi realmente importante para nós porque irá proporcionar a mais pessoas a experiência de jogar. O controle é um dos feitos mais importantes da história da marca e da indústria dos games em geral e queremos disponibilizá-lo para o maior número possível de países, pois estaremos abrindo caminhos para que mais pessoas possam aproveitar o mundo dos games”, diz.

É o tipo de projeto que leva muito tempo em desenvolvimento, mas quando você vê o resultado, realmente se sente movido a criar novas produtos inclusivos”.

Outro anúncio muito aguardado por jogadores de Xbox One foi a confirmação do suporte do console a mouse e teclado. A Razer, inclusive, vai lançar em 2019 um par de acessórios desenhado especialmente para o console.

Aguilar comenta que esse era, de fato, um dos pedidos mais antigos da comunidade, especialmente entre os fãs de games de tiro. Por isso, se tornou uma das prioridades da divisão de games da Microsoft.

Se uma pessoa prefere jogar Fortnite com mouse e teclado, agora ela terá essa possibilidade no Xbox One. Estamos sempre ouvindo tudo que o consumidor quer para aprimorar sua experiência com os games. Temos um excelente controle, mas queremos sempre dar opções aos nossos clientes. Para que eles possam sempre jogar os games que querem e do jeito que querem”, enfatiza.

Acompanhe o GameSpot Brasil no Facebook, Twitter, YouTube, Instagram e Twitch.

Arquivado em:
Xbox 360, Xbox One

Tem uma sugestão de notícia? E-mail: sugestoes@gamespot.com.br

7 0
Ver comentários ()
Participe da Conversa